segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Muitas em si!!!

Ela trazia, como fazia questão de dizer, muitas em si; era como se fossem várias pessoas em uma só!!!

Talvez isso até pudesse se traduzir em vantagem dependendo da situação; por exemplo, ao ir para a cama com alguém esse alguém poderia até contar com um, digamos, múltipla-escolha, poderia escolher a opção A, a B, a C, a D; a única que estaria fora da escolha seria a opção E, pois, normalmente, essa ou é "Todas as opções anteriores" (aí uma simples transa, a princípio, a dois se transformaria em uma suruba) ou "Nenhuma das opções anteriores" (outra furada, pois escolhendo essa o cara acabaria sozinho e o que seria uma transa legal se transformaria em masturbação)!!!

Mas, aparentemente, ela estava feliz com essa multiplicidade, essa multidão vivente dentro dela!!!

.


Tanto que sequer se abalou ao afastar-se daquele que a fazia UNA!!!

Nenhum comentário: