terça-feira, 3 de setembro de 2013

Nirvana!!!

É um momento sublime, um momento sem igual!!!

Sei perfeitamente o quanto é difícil racionalizar nestes momentos, sei que o melhor a fazer é senti-lo, ter o prazer de saber que contribuiu para que ele acontecesse, mas, mesmo sabendo disto, tentarei transmitir aqui, em palavras, a sensação, o sentimento, o envolvimento de corpos em busca deste prazer maior, deste momento mágico!!!

Aos poucos você vai se soltando, vai se envolvendo e sendo envolvida, vai se entregando e, receptiva, recebendo; aos poucos os movimentos se aceleram, as respirações ficam ofegantes e desencontradas, o corpo começa a reagir, a reger, a renegar tudo o que existe fora daquele ato, daquela união de corpos sedentos; estamos, eu e você, totalmente entregue um ao outro, fundindo nossos corpos em um só, que pulsa, que expulsa o mundo ao redor!!!

Sinto sua pele arrepiar apesar do calor, apesar do suor que nos banha; ouço suas palavras desconexas, seus gemido, seus sussurros; atento aos seus apelos de não parar continuo, qual um aríete tentando romper as últimas barreiras, as últimas defesas da cidadela, indo e vindo sem parar até sentir suas unhas cravadas em minhas costas, até sentir seu corpo se retesar, sua respiração ficar, por alguns momentos, suspensa; até ouvir seu gemido tremido, até sentir seus braços, pernas, escorregarem desfazendo o abraço que me mantinha preso a você, só então deixo fluir minha essência e, em uma explosão de sensações indescritíveis, chegamos juntos ao clímax!!!

Neste momento sublime, olho seu rosto e o vejo iluminado, radiante, como se tivesse chegado ao Nirvana!!!

E, pensando bem, não tenho dúvidas que chegamos juntos ao Nirvana!!!



Nenhum comentário: