quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Contágio!!!



Ao cair a última peça,
A calcinha finamente rendada,
Nada mais há que impeça
De termos a noite sonhada!!!
Ao cair essa última barreira,
Entrego-me por inteiro!!!
Deixo-me ser tomado
Pelo vírus do prazer,
Sinto-me amado de maneira
Intensa, recebo seu carinho verdadeiro,
E tento também lhe fazer
Chegar ao clímax, ao êxtase e, de olhos fechados,
Nos deixamos ficar calados,
Apenas ouvindo nossa respiração ofegante
E, com a certeza de que iremos muito adiante,
Que nossa vidas estão entrelaçadas,
Nos deixamos ficar, duas simples almas abraçadas!!!


.

Nenhum comentário: